Publicação fixa: Argumentos lógicos X tratados teológicos

Meus textos questionando o sistema religioso e as mentiras do cristianismo são sempre com argumentos de raciocínio lógico, porque para mim vale o que está escrito sem interpretações humanas, sem oráculos para traduzir o texto... Continue lendo.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Estou construindo uma arca

Up. Publicado originalmente em 31/dez/2008

"Pela fé Noé, quando avisado a respeito de coisas que ainda não se viam, movido por santo temor, construiu uma arca para salvar sua família." Hebreus11.7

Ser radical não é fácil. Dá trabalho. Estar posicionado tem um preço alto.
Estou me sentindo personagem do filme A volta do Todo-poderoso e às vezes me sinto o próprio Noé. Como se eu estivesse construíndo uma arca e gritando para alertar às pessoas.
E como aconteceu com Evan Baxter e com Noé, muitos zombam e me acham maluca. Mas assim como eles, tenho plena convicção e certeza de que tudo o que estou vivendo vem da parte do Eterno e foi gerado em mim pelo Espírito Santo.
Mas como sei que estou certa?
Primeiro, porque já passei por isso uma vez e conheço os sinais. Sei que não inventei nada disso. Sei que o Espírito Santo me ensina, eu obedeço e depois recebo confirmação de tudo. Ele sempre confirma.
Segundo, porque meu esposo acredita em mim. E se ele, que vive comigo todos os dias, ele que conheceu quem eu era antes da libertação e me conhece agora. Ele que me conhece melhor que ninguém neste mundo. Se ele acredita em mim, isso me basta e me dá forças para continuar.
Terceiro, porque não estou sozinha. Muitos outros inconformados, revolucionários, sedentos do sobrenatural, famintos de mais do Eterno, muitos que investigam, estudam, pesquisam, muitos que estão buscando santidade estão no mesmo barco. E tenho acompanhado o crescimento espiritual de alguns desses e confirmo que vale a pena, porque antes, no sistema, eles não cresciam, não desenvolviam, e agora vejo que estão levantando voo.
Quarto, porque muitos dos que zombam de mim, os que me perseguem são do tipo não-li-e-não-gostei, não investigam, não estudam, não pesquisam, mas acham que sabem. Vivem uma vida de prazeres do mundo. Como eu sei? Não, não estou julgando. Como diz meu amigo, o Orkut e o Facebook contam tudo. Eles mesmos publicam seus pecados. Pecam e ainda colocam na internet para quem quiser ver.
E por último, outros que zombam e me abandonaram são os religiosos, como na época em que o Messias fazia seus milagres e pregava o Reino na periferia, os líderes religiosos continuavam com seus rituais e práticas estranhas e contrárias à Torah (Pentateuco) e rejeitaram o Messias. O Salvador estava lá fora e eles estavam enjaulados no templo. Eles não aceitam a diversidade do Eterno, limitam o Pai dentro de uma caixinha de fósforo e pensam que ele só se manifesta da forma como eles querem ou entendem. Todo o resto para eles "não é de Deus e que todos os hereges queimem na fogueira".
Por esses e outros motivos, tenho certeza de que estou no caminho certo.
E vou continuar construindo a arca, cantando minha música preferida: "Eu quero é o Eterno, não importa o que vão pensar de mim, eu quero o Eterno".

P.S.: A certeza de estar no caminho certo não tem preço. E a sensação de que "tem alguma coisa errada" ou "não pode ser só isso" de-sa-pa-re-ceu completamente.

Leia também
Saiba o que, como e porque minha vida mudou

Um comentário:

Ariane Azeredo disse...

COMO É MARAVILHOSO COMPARTILHAR DESTE AMOR E DESTA SEDE,ABELHINHA!
DEUS ABENÇOE A SUA VIDA, SEU MINISTÉRIO E A SUA CASA EM 2009!
TE AMO NO AMOR DO PAI.