Publicação fixa: Argumentos lógicos X tratados teológicos

Meus textos questionando o sistema religioso e as mentiras do cristianismo são sempre com argumentos de raciocínio lógico, porque para mim vale o que está escrito sem interpretações humanas, sem oráculos para traduzir o texto... Continue lendo.

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Dez dias de teshuvah até Yom Kipur - Décimo dia

Antecipando o décimo dia - hoje, ao pôr do sol, começa Yom Kipur
Gmar Chatimá Tová v'Tzom kal!
Que sejamos selados para o bem e que seja um jejum leve.

Mensagem linda de Yom Kipur
"Hoje, quando surgir a primeira estrela, as sinagogas do mundo inteiro estarão entoando uma prece de reverência ao Eterno, o Kol nidrei, uma prece que tem mais de mil anos. Eu diria que o Kol nidrei é mais do que uma prece, é uma declaração de arrependimento no dia de Yom Kipur, que se pede perdão por nossas transgressões. Ouçam com Al Jolson cantou o Kol nidrei:

'Nós somos teu povo e tu és o nosso Deus,
Nós somos teus filhos e tu és o nosso Pai
Nós somos o teu rebanho e tu és o nosso Pastor
Nós somos a tua nação e tu és o nosso Rei'

De hoje até amanhã, será um dia de orações, o dia mais sagrado no calendário religioso judaico.
Sempre me comovo quando ouça na voz de Barbra Streisand a mais consagrada das orações, Avinu Malkeinu, Pai nosso e nosso Rei.

'Avinu Malkeinu, não temos outro soberano fora de ti
Renova-nos um bom ano
Afasta de nós todo o opressor, o adversário
Afasta a peste, a espada, a fome, o cativeiro, a destruição
Perdoa e apaga todos os nossos pecados
Apaga através da tua imensa misericórdia
Toda recordação dos nossos pecados diante dos teus olhos
Pai nosso e nosso Rei, inscreve-nos no Livro da vida feliz'

Eu, garoto, acompanhava meu pai na sinagoga de Niterói e havia um mazor de Yom Kipur que ele rezava junto de seus amigos, com a sua kipá, com seu talit, um manto branco com listras pretas, que lhe cobriam parte do corpo. Uma vez por ano, em Yom Kipur, eu o ouvia rezando e pedindo ao Eterno que desse saúde para sua família. Eu não sei rezar e tenho inveja daqueles que sabem, mas sei conversar com o Eterno, não falo demais com ele, eu não o aborreço com meus problemas, falo pouco e tento ouvi-lo, não é sempre que isso acontece, mas de repente a visão de um caminho, de uma solução, uma ideia que ilumina uma decisão.
Avinu malkeinu, que sejamos todos inscritos no Livro da vida feliz." Salomão Schvartzman

Nenhum comentário: